Patos - PB 22 de junho de 2024

Publicidade

Moro se livra de ação do PT, mas ainda falta a do PL

Durante a sessão desta quinta-feira (15), o plenário do Tribunal Superior Eleitoral negou, por unanimidade, recurso do PT contra a candidatura de Sergio Moro (União Brasil) ao Senado, pelo Paraná.

“O TSE indeferiu, por unanimidade, o recurso do PT contra a minha candidatura. Vitória do Direito e da Democracia. Os votos dos 1.953.188 paranaenses serão honrados na tribuna do Senado Federal”, postou Moro no Twitter.

O PT, que encabeçou a Frente Brasil da Esperança no Paraná, alegou que Moro não possuiria filiação partidária válida no estado, dentro do prazo legal, para concorrer ao cargo nas Eleições 2022, entre outros argumentos.

Moro também enfrenta uma ação do PL, partido do presidente Jair Bolsonaro, a quem se aliou no segundo turno. Ele reagiu e acusou “maus perdedores” de trabalharem para o PT.

Compartile:

Tags:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE