Patos - PB 16 de junho de 2024

Publicidade

PF deflagra operação em Campina Grande contra lavagem de dinheiro e compra de voto

Foto: Reprodução

A Polícia Federal deflagrou na manha desta terça-feira (07) a Operação Talir com o objetivo de combater esquema de lavagem de dinheiro destinado ao financiamento ilegal de campanhas eleitorais e compra de votos. Foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão no município de Campina Grande.

Trata-se de desdobramento da Operação Mercador, deflagrada logo após primeiro turno das eleições 2022, em 14/10.

Os crimes investigados são os previstos no art. 1º, §1º, inciso II, da Lei nº 9613/98 – Lavagem de dinheiro – art. 299 do Código Eleitoral – Compra de votos, e art. 350 do Código Eleitoral – Caixa Dois.

O nome da operação é uma referência ao caso Talir, que teve relação a financiamento ilegal de campanha no leste europeu.

Em outubro do ano passado a PF realizou uma das fases da operação nas cidades de João Pessoa, São José do Sabugi e Teixeira para obter provas sobre a origem e destino de R$ 173.600 apreendidos com material de campanha na véspera do primeiro turno da eleição.

O dinheiro foi apreendido após colisão entre uma motocicleta e um carro no município de Santa Luzia. Durante abordagem das Polícias Militar e Rodoviária Federal houve tentativa de ocultar o dinheiro.

MaisPB

Compartile:

Tags:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE