Patos - PB 22 de junho de 2024

Publicidade

Resgate vai rastrear sinais de celulares para localizar vítimas soterradas em SP

Foto: reprodução

Equipes da Defesa Civil vão fazer buscas nesta quarta-feira (22) no ponto de bloqueio total da Rio-Santos, na altura da Praia Preta, onde há carros soterrados, segundo informou o tenente-coronel Hengel Ricardo, responsável pelas operações no Litoral Norte. As equipes devem rastrear sinais de celulares para localizar os desaparecidos. As informações são da TV Globo.

“Ainda estamos com o ponto de interrupção na Praia Preta, em Juquehy. Estamos mandando uma equipe de busca hoje porque há carro soterrado nessa região. Tem a preocupação se ainda está com vitima lá, muitas vezes pode ter sido surpreendido na hora que estava passando pela estrada”, explicou o tenente-coronel.

O balanço da Defesa Civil aponta 48 mortes (47 em São Sebastião e uma em Ubatuba). Já o número de desaparecidos subiu para 57, segundo a Defesa Civil. Os trabalhos acontecem especialmente em bairros da costa sul da cidade de São Sebastião, como a Vila do Sahy, área que concentra a maioria das vítimas da tragédia, e Juquehy.

Segundo o tenente, são dois pontos primordiais: Vila do Sahy, onde foram encontradas a maioria das vitimas, cerca de 50 casas soterradas nessa região. E também no bairro pantanal, em Juquehy. “Como a gente já tem a localização de onde estão, não é indicado entrar com máquina pesada”, disse tenente-coronel Hengel Ricardo. “Maquinário é muito agressivo para trabalho de busca, que precisa ser manual e bastante cirúrgico”, completou.

Resgate
As buscas são feitas por bombeiros, agentes da Defesa Civil e os próprios moradores. No domingo, helicópteros da PM tiveram dificuldade para chegar nos pontos mais críticos devido ao mau tempo. O Exército enviou aeronaves para ajudar nos trabalhos. A operação envolve mais de 600 pessoas.

Compartile:

Tags:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE