Patos - PB 25 de fevereiro de 2024

Publicidade

Deputados Murilo e Adriano Galdino pedem a ministro que a conclusão da Adutora do Pajeú seja prioridade. Redenção hídrica beneficiará região de Teixeira

// Obtém uma referência para o botão de impressão const imprimirBtn = document.getElementById('imprimirBtn');// Adiciona um evento de clique ao botão imprimirBtn.addEventListener('click', function() { window.print(); });

Foto: reprodução

Em audiência com o ministro das Relações Institucionais da Presidência da República, Alexandre Padilha, na tarde desta terça-feira (7), o deputado federal Murilo Galdino (Republicanos) tratou sobre pleitos destinados à Paraíba e pediu prioridade para conclusão da obra da Adutora do Pajeú no ramal que liga Pernambuco a Paraíba, que garantirá segurança hídrica a vários municípios do sertão do estado.

“É uma obra que representará a redenção hídrica para os municípios de Imaculada, Livramento, São José dos Cordeiros, Taperoá, Cacimbas, Água Branca, Mãe D’Água, Juru e principalmente Teixeira, Maturéia e Desterro, que atualmente enfrentam colapso total do abastecimento. Alguns estão a apenas 15 km de distância de Brejinho (PE) beneficiada com as águas da adutora”, disse Murilo.

Acompanhado do presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino e da prefeita de Pocinhos, Eliane Galdino, Murilo apresentou ao ministro, um vídeo com imagens e depoimentos relatando a situação da população dos municípios, cujo abastecimento está sendo feito apenas por carros-pipas.

O deputado solicitou prioridade ao ministro Padilha no encaminhamento da demanda ao presidente Lula. “Entre os assuntos abordados, focamos a problemática da estiagem que ainda assola grande parte da população paraibana. Apelamos para que a obra da Adutora do Pajeú seja finalizada com a maior brevidade possível e outros ramais da Adutora do Piancó seja resolvida em definitivo esta situação”.

 

Ao final da audiência, Padilha garantiu que encaminhará o pleito ao presidente Lula para que o problema seja solucionado com maior agilidade e os municípios possam ter o abastecimento garantido.

 

Assessoria

Compartile:

Tags:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE