Patos - PB 27 de maio de 2024

Publicidade

Vereadores da base do prefeito de São José de Espinharas, Netto Gomes, votam a favor da criação da Taxa de Iluminação Pública e revoltam população. VEJA VÍDEO!

Foto: reprodução

 

A Câmara Municipal de São José de Espinharas, região metropolitana de Patos, votou duas matérias polêmicas na noite desta sexta-feira, dia 17 de março. São elas: o Código Tributário que foi atualizado, e que, segundo opiniões, aumentará os impostos pagos pela população, e a Taxa de Iluminação Pública, projeto bastante polêmico, que será cobrado pela primeira vez no município. Um projeto de lei enviado pelo Executivo, na figura do prefeito Netto Gomes, que apresentou uma votação geral de 5 a 4.

 

Votaram a favor do projeto para cobrança de taxa de iluminação do município, os vereadores Netinho, Eliane, Erivaldo, João Lúcio e o presidente Esterbam. Votaram contra o projeto os vereadores Chiquinho Morais, Salomão, Chico Coco e Kada.

O vereador Salomão e Chiquinho Morais em seus discursos defenderam a população, que já pagam impostos exaustivos e que vinham debatendo o projeto nas suas redes sociais, incentivando os demais a votarem contra a matéria.

O vereador Chico Coco também usou a tribuna para debater o tema e disse que não é possível que um projeto que venha prejudicar o povo seja votado e considerado na Câmara Municipal.

Blog do Jordan Bezerra

 

Clique no link abaixo para assistir ao vídeo:

https://fb.watch/jly8EYL46T/

Compartile:

Tags:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE