Patos - PB 29 de fevereiro de 2024

Publicidade

Ministério Público investiga obras de casas populares paralisadas há 10 anos, em São José de Espinharas

// Obtém uma referência para o botão de impressão const imprimirBtn = document.getElementById('imprimirBtn');// Adiciona um evento de clique ao botão imprimirBtn.addEventListener('click', function() { window.print(); });

 

O Ministério Público abriu investigação para apurar a construção de 16 casas populares no município de São José de Espinharas, no interior da Paraíba. As famílias contempladas aguardam pelas casas desde o ano de 2012. O inquérito civil é coordenado pelo promotor Carlos Davi Lopes, sendo publicado no diário oficial desta quarta-feira (13).

Conforme apurou o ClickPB, as casas fazem parte do programa “Minha Casa, Minha Vida”, do governo federal. Os recursos foram enviados e as obras iniciadas pela empresa vencedora da licitação. No entanto, apesar dos valores federais encaminhados para as instituições financeiras e repasse para a construtora com participação da Prefeitura de São José de Espinharas, as casas continuam inacabadas.

Segundo a denúncia do órgão fiscalizador, as 16 famílias comtempladas ainda não foram contempladas, desta forma, o Ministério Público abriu uma investigação para apurar o caso. No episódio, o órgão fiscalizador cobra da Prefeitura de São José de Espinharas, construtora e banco para se manifestarem diante do fatos, com prazo estipulado de até 10 dias.

Compartile:

Tags:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE