Patos - PB 19 de julho de 2024

Publicidade

Capacitação em Patos visa fortalecer apoio às famílias em situação de descumprimento de condicionalidades no Bolsa Família

 

A Prefeitura Municipal de Patos, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação (Semudsh), promoveu uma capacitação para as técnicas de referência da assistência social do Bolsa Família de todos os Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) do município, visando fortalecer o acompanhamento das famílias com a utilização do Sistema de Condicionalidades (Sicon).

O Sicon é uma ferramenta de apoio à gestão intersetorial que integra informações cruciais de acompanhamento de condicionalidades nas áreas de Saúde, Educação e Assistência Social. Ao integrar dados de frequência escolar, calendário de vacinação e consultas pré-natais, provenientes de sistemas desenvolvidos pelos Ministérios da Educação e da Saúde, o Sicon permite uma visão abrangente da situação das famílias beneficiadas.

Para os municípios, o sistema disponibiliza uma série de funcionalidades, que tem como sua principal funcionalidade o acompanhamento de famílias em situação de vulnerabilidade social. Essas ferramentas são essenciais para garantir que as famílias recebam o suporte necessário e que os recursos do programa sejam direcionados de maneira adequada e justa.

Para compreender a relevância dessa capacitação, é fundamental entender o contexto em que as famílias em situação de vulnerabilidade se encontram. Muitas dessas famílias dependem do Programa Bolsa Família como uma fonte crucial de apoio financeiro, mas para manterem o benefício, elas precisam cumprir determinadas condicionalidades estabelecidas pelo governo, como a frequência escolar de crianças e adolescentes, além de cuidados básicos de saúde, como vacinação e acompanhamento pré-natal.

No entanto, algumas famílias podem encontrar dificuldades em cumprir essas condicionalidades devido a uma variedade de fatores, como falta de acesso a serviços de saúde, dificuldades financeiras ou até mesmo problemas familiares. É aqui que entra o papel fundamental das técnicas de referência da assistência social: elas atuam como facilitadoras, oferecendo suporte e orientação às famílias, ajudando-as a superar esses obstáculos e garantindo que tenham acesso aos serviços sociais necessários para cumprir as condicionalidades do programa.

O município de Patos possui quatro CRAS que desempenham um papel crucial nesse processo, e através deles, as famílias podem acessar uma variedade de serviços sociais, como assistência médica, orientação psicossocial, encaminhamento para programas de qualificação profissional e muito mais.

Com a capacitação das técnicas de referência da assistência social do Bolsa Família, os CRAS se tornam ainda mais eficientes em sua missão de garantir que as famílias que se enquadram nessas situações tenham acesso aos serviços de que necessitam. Esses profissionais estarão mais bem preparados para identificar as necessidades específicas de cada família e oferecer o suporte necessário para garantir que cumpram as condicionalidades do programa.

O treinamento, que contou com a participação das assistentes sociais Jéssica Leitão, Francineide Santos e Priscilla Medeiros, além da psicóloga Raelma Kesia, foi conduzido pelo Coordenador do CadÚnico/Bolsa Família, Heverton Alves.

 

Secom – Patos

Compartile:

Tags:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE